“Alto Bonito” volta a atiçar a disputa política em Parauapebas

Compartilhe nas redes sociais.

No dia 19 de junho de 2017, um dos maiores projetos habitacionais do norte do Brasil foi entregue em Parauapebas. Trata-se do residencial “Alto Bonito”, com 1008 unidades habitacionais, inaugurado em sua primeira fase, no referido período. Pouco mais de um ano depois, foi entregue ontem (05) a sua segunda etapa, com 1092 apartamentos.

Na entrega da primeira etapa, em junho de 2017, o evento atiçou o debate político e as disputas entre simpatizantes do prefeito Darci Lermen e do ex-prefeito Valmir Mariano. Ontem, novamente, se percebeu que o termômetro político esquentou e ainda esquentará mais com a proximidade das eleições.

Sem ser convidado oficialmente pela atual gestão municipal, Valmir Mariano apareceu no evento, sendo bastante festejado pelos presentes, o que deixou os agentes políticos da gestão Lermen, sem graça. Não restou outra alternativa ao staff do prefeito Darci, a não ser o de  convidar o ex-prefeito a subir ao palco e participar da cerimônia, refazendo o discurso para incluir o adversário como um dos responsáveis pelo empreendimento.

Se Darci resiste em aceitar que a sua gestão está mal avaliada, que a população em sua maioria reprova o seu governo, talvez, ontem, fora do gabinete e com a presença de um “corpo estranho”, isso tenha ficado claro para o atual mandatário da política parauapebense, pela recepção que o ex-prefeito Mariano teve ao adentrar o recinto.

Valmir parece que resolveu ser mais sociável. Tomou um “banho de povo”, quebrou o seu próprio protocolo de contato social restrito, sobretudo aos mais pobres. Mostrou que está firme, com “pinta” de candidato, e que a sua carreira política não chegou ao fim. Autoriza propositalmente que seus interlocutores mais próximos propaguem que será candidato em outubro. Se for, deverá disputar uma cadeira ao parlamento estadual; dividindo votos com seu companheiro de partido, o deputado Gesmar Costa. O autofagismo político-eleitoral do PSD parece a cada dia mais inevitável. Do outro lado, o prefeito Darci Lermen continua a manter o “status quo” do seu governo do improviso. 

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*