Eleições 2020: Raio-x das candidaturas no Pará

0
569

O Blog novamente foi atrás dos números referentes ao processo eleitoral de 2020, disponíveis no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), para saber qual partido registrou mais candidaturas; quantitativo dos que disputam reeleição; cor/raça; grau de instrução e etc. Pois bem, o Pará soma hoje 23.330 candidaturas. Em 2016, eram 20.610. Um aumento de 11,6%. Da relação total, até o momento, cinco registros foram indeferidos (três por desistência da disputa e dois cancelados – quatro para vereador e um para vice-prefeito). Ao todo, os 144 municípios paraenses contam com 661 candidaturas a prefeito, 664 para vice-prefeito e 22.005 para vereador.

No “vestibular” deste processo eleitoral, temos 4,5 candidatos por vaga para prefeito e 4,6 para vice; já para os parlamentos municipais, a disputa é três vezes maior: 12,4 por vaga. Um total de 762 candidatos que estão concorrendo, disputam reeleição.

Partidos

Como esperado, o MDB é a legenda que concentra o maior volume de registros. O partido soma 2.308 (9,9%); seguido pelo PSC 1.673 registros (7,1%). Em terceiro aparece o PL com 1.591 candidatos (6,8%); na sequência vem o PSD 1.549 (6,6%), seguido pelo PSDB com 1.480 registros (6,3). Em sexto vem o PT com 1.477 (6,3%). Os Republicanos aparecem em sétimo em registro de candidaturas com 1.323 (5,6%). PDT é o próximo da lista com 1.1 27 (4,8%). Em novo consta o PSB que soma 1.110 (4,7%) e fechando a lista dos 10 partidos com maior registro de candidatura, se apresenta 1.093 (4,6%). Os partidos PCO, PSTU, UP e Novo não registraram candidaturas. A lista completa pode ser acessada no site do TSE.

Entre todas as 23.310 candidaturas, 15.495 são homens e 7.817 são mulheres. Quando se analisa estado civil, os solteiros são maioria (52,1%), enquanto os casados somam 41,4% entre as candidaturas registradas. Na questão de faixa etária, a maioria dos registros concentram-se entre 40 a 44 anos. No quesito cor/raça, o TSE diz que 68,5% se declararam pardos; 18,1% são brancos e 10,8% são pretos.

No campo de nível de instrução educacional, 38% dos candidatos registrados declararam possuírem o ensino médio completo; 22,4% tem diploma universitário. Já 13,6% nem terminaram o ensino fundamental, enquanto 13,5% terminaram. Lê e escreve totalizam 1.110 (4,76%). Três candidatos se declararam analfabetos.

Deixe uma resposta