Helder Barbalho abre corrida dos estados pela vacina

0
712

Depois de tentar, sem sucesso, abrir um diálogo com o Ministério da Saúde, o governador do Pará, Helder Barbalho, vai a São Paulo nesta quinta-feira para uma visita ao Instituto Butantan.

A interlocutores, Barbalho diz que seu “plano A” é o Plano Nacional de Imunização do governo federal, mas precisa ter uma carta manga, comprando as vacinas diretamente de fornecedores nacionais ou mesmo internacionais.

Interlocutores do governador dizem que, assim como Barbalho, outros chefes de governos estaduais já falam em abandonar as indefinições da pasta de Eduardo Pazuello para tentar assegurar vacinas em São Paulo. A desorganização do governo de Jair Bolsonaro, que sequer comprou seringas e agulhas para vacinar a população, é o motor desse movimento.

Na sexta-feira, o governador repete o mesmo procedimento no Rio de Janeiro, desta vez com a Fiocruz, no Rio, que será responsável pela vacina de Oxford em parceria com a farmacêutica AstraZeneca.

Com informações Veja – Coluna Radar (Com adaptações).

Deixe uma resposta