Eleições 2024: 1º pesquisa Doxa registrada aponta liderança de Pirão, seguido por Éder Mauro na disputa pela PMB

COMPARTILHE:

Na Primeira pesquisa oficial registrada no T.R.E no município de Belém a disputa eleitoral mostra o eleitor belenense recuado em relação ao cenário posto dos pré-candidatos ao cargo de prefeito da capital. O pré-candidato do MDB, deputado estadual Zeca Pirão lidera a primeira pesquisa com 17,8% das intenções de voto. O deputado federal Éder Mauro (PL) vem em segundo lugar com 13,7%. Edmilson Rodrigues (PSOL) que busca a reeleição aparece com 7,5%.

Pesquisa DOXA está registrada no T.R.E sob o nº PA-06026/2024. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% dos resultados retratarem o atual momento eleitoral. A margem de erro estimada é de 3,1 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra. Doxa realizou a pesquisa entre os dias 20 a 24 de janeiro de 2024 com uma amostra de 1.000 entrevistas.
Espontânea: jogo aberto na corrida eleitoral

Na questão espontânea em que não se apresentam os nomes dos pré-candidatos a prefeito, o índice de votos flutuantes alcança o patamar de 87,1%. Na lembrança imediata, o deputado estadual Zeca Pirão aparece em primeiro lugar com 3,7%. Em segundo vem o deputado federal Eder Mauro com 2,2%. Edmilson vem em seguida com 2,1%. Depois vem Eguchi com 1,4%. Igor Normando, 1,0%. Thiago Araújo, 0,9%. Italo Abati, 0,6%; Hana, 0,3%; Beto Faro, 0,2%. Úrsula Vidal, Jeferson Lima, Jader Filho e Bob Fllay aparecem cada um com 0,1%.

Estimulada: Zeca Pirão sai na frente 

Quando se estimula os nomes dos pré-candidatos, o percentual de votos flutuantes ainda permanece alto, chegando a 39,3%. Desponta em primeiro lugar o deputado estadual Zeca Pirão com 17,8%. O delegado e deputado federal Éder Mauro é o segundo colocado, aparecendo com índice de 13,7%. O terceiro lugar é ocupado por Edmilson Rodrigues com 7,5%. Eguchi vem logo em seguida com 6,5%. Igor Normando é o sexto colocado com 5,8%. O deputado estadual Thiago Araújo vem com 4,1%. O senador Beto Faro aparece em sétimo lugar com 3,0%. O prof. Ítalo Abati é o oitavo colocado, ficando com o percentual de 2,4% de intenções de voto.

Avaliação: Governo Edmilson

Ao avaliar do ponto de vista conceitual (excelente, bom, regular, ruim ou péssimo), 78,6% os eleitores de Belém avaliam negativamente o governo de Edmilson. A avaliação positiva (excelente e bom) chega a apenas 6,4%. O Regular é de 13,1%.

Aprovação/Desaprovação – Governo Edmilson

Quanto se trata da Aprovação ou Desaprovação da forma que Edmilson governa, a Desaprovação chega ao patamar de 84,5%. Já a aprovação é de 11,3%. Outros 4,2% não se manifestaram.

___________________________________________________________________________________________________________________________________________________________

Avaliação do Blog do Branco:

Em seu primeiro levantamento, este sob obrigatoriedade de registro junto à Justiça Eleitoral, a Doxa apresenta o cenário político-eleitoral da capital paraense, na disputa pelo controle do Executivo. Da forma que terminou 2023; começou 2024, com pequenas alterações, a mais relevante é a inclusão do nome da vice-governadora no levantamento. No formato espontâneo, ou seja, quando não é apresentado ao entrevistado nenhuma opção, Hana aparece com 0,3%. No formato estimulado (quando se apresenta os nomes em uma lista) a vice-governadora não aparece. A questão é: não teve o nome incluído como opção ao eleitor ou não chegou a ser citada por nenhum entrevistado?

Na série histórica da Doxa, o deputado estadual Zeca Pirão (MDB) sempre liderou na maioria dos levantamentos. O que chama atenção é que só nas pesquisas da Doxa, o citado parlamentar segue na frente. Em segundo – com poucas vezes à frente – aparece o deputado federal Éder Mauro (PL), que chegou a liderar o último levantamento coordenado não registrado por Dornélio Silva. Já o prefeito Edmilson Rodrigues (Psol) mantém o seu calvário político, em que fica fora até de um segundo turno, além de ostentar de longe a maior rejeição entre os nomes que são citados nesta e em outras pesquisas.

O fator novo neste  levantamento da Doxa é a presença (mesmo sem nenhum nível de importância, pelo menos ainda) do nome da vice-governadora Hana Ghassan, do MDB, que vem sendo cogitada a ser a candidata de Helder na capital paraense, tendo como vice o deputado estadual e atual secretário de Cidadania, Igor Normando. Ambos formaram uma dupla que anda percorrendo a periferia de Belém entregando asfalto que, como se sabe, é um grande puxador de votos.

O Blog do Branco seguirá acompanhando as pesquisas eleitorais, em seguida com análise dos números apresentados.

O blog no Twitter!